sexta-feira, 24 de setembro de 2010

O amor é o amor...









O amor é o amor — e depois?!
Vamos ficar os dois
a imaginar, a imaginar?...

O meu peito contra o teu peito,
cortando o mar, cortando o ar.
Num leito
há todo o espaço para amar!

Na nossa carne estamos
sem destino, sem medo, sem pudor
e trocamos — somos um? somos dois?
espírito e calor!

O amor é o amor — e depois?
Alexandre O'Neill



2 comentários:

  1. Amiga excelente escolha.
    "Amo como ama o amor. Não conheço nenhuma outra razão para amar senão amar. Que queres que te diga, além de que te amo, se o que quero dizer-te é que te amo?"
    Fernando Pessoa
    Tenha um maravilhoso fim-de-semana
    bjs do tamanho do infinito
    Maria

    ResponderEliminar
  2. Éste lo he comprendido perfectamente, bella Flor.

    Un poema muy bello.

    Besos.

    ResponderEliminar

.

.

Banhinho

Banhinho
Loading...

ROGER

Related Posts with Thumbnails

A flor mais grande do mundo

Número total de visualizações de página